Como abrir atividade nas finanças recibos verdes

como abrir atividade nas finanças recibos verdes

Como funcionam os recibos verdes?

Recibos verdes isentos de IVA Se o volume de negócios estimado for inferior a € 12.500 ao ano não tem de cobrar IVA aos clientes (isenção do art. 53.º do CIVA). Isto significa que ao passar o recibo verde, apenas tem de inserir o valor do preço do serviço prestado.

Como fazer a luz verde das Finanças?

A primeira tarefa para oficializar essa decisão é abrir atividade nas finanças. Este passo é obrigatório por lei, mas é bastante simples de concretizar. Neste artigo, explicamos ao detalhe como abrir atividade nas finanças para começares a passar recibos verdes, bem como alguns procedimentos relacionados com a segurança social.

Como efetuar o início da atividade nas finanças?

Abrir atividade nas finanças é um dos primeiros passos a dar por quem é trabalhador independente. Informar a Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) de que vai começar a trabalhar é obrigatório. Para quem está agora a começar a trabalhar por conta própria, as questões relacionadas com finanças e impostos podem parecer complicadas.

Quanto tempo dura a isenção de recibos verdes?

Se é a primeira vez que está a trabalhar a recibos verdes, tem direito a uma isenção de contribuições durante 12 meses.

Como funciona o recibo verde?

Na prática, trabalha a recibos verdes quem é prestador de serviços, ao invés de ter um contrato de trabalho com um empregador. A designação recibos verdes vem do tempo das cadernetas de recibos verdes, que entretanto evoluíram para recibos eletrónicos emitidos através do Portal das Finanças.

Quem pode emitir recibos verdes?

Qualquer trabalhador autônomo e independente pode emitir recibos verdes, desde que não tenham vínculo empregatício com a empresa específica que você vai prestar o serviço como independente.

Quais são as desvantagens dos recibos verdes?

Outra desvantagem dos recibos verdes é que tem de controlar os seus próprios descontos. Parece uma desvantagem inofensiva, mas a verdade é que o obriga a estar sempre por dentro das regras e das novas leis que vão sendo publicadas.

Como saber se vale a pena trabalhar com recibos verdes?

Se vale a pena trabalhar com eles é você quem precisa avaliar. Os recibos verdes podem ser uma ótima alternativa para obter a Autorização de Residência, mas nem todo mundo ter perfil para trabalhar de forma independente e autônoma. Por isso, dizer se vale ou não a pena acaba sendo delicado.

Como iniciar a sua atividade nas finanças?

Se o fizer numa repartição das Finanças, basta levar consigo o Cartão de Cidadão e o IBAN. Qual o preço para abrir atividade nas Finanças? Selecionar “Cidadãos ou empresas” ▶︎ “Entregar” ▶︎ “Declarações” ▶︎ “Atividade” ▶︎ “Declaração de início de atividade”.

Como fazer a declaração de início de atividade no Portal das Finanças?

Se o fizer no Portal das Finanças, depois de fazer login, com o seu NIF e da senha de acesso ao Portal, deve proceder aos seguintes passos: 1. “Cidadãos ou empresas” | “Entregar” | “Declarações” | “Atividade” | “Declaração de início de atividade” (via contribuinte). Depois de abrir a declaração terá de indicar a atividade que pretende exercer.

Como entrar no Portal das Finanças?

Se ainda não tem senha, basta abrir o Portal das Finanças, clicar em “Registar-se” e seguir os passos indicados. Pode também dirigir-se a um balcão da AT, mas não se esqueça de fazer o agendamento prévio através dos contactos disponíveis no Portal das Finanças.

Quanto custa a declaração de início de atividade?

Neste caso, a declaração de início de atividade será preenchida pelo funcionário da repartição da AT. Este preenchimento é gratuito se for feito pela internet; em papel tem o custo de 0,35€.

Postagens relacionadas: