Fenprof greve

fenprof greve

Quando será a greve nacional da administração pública?

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) anunciou esta sexta-feira a adesão à greve nacional da administração pública marcada para dia 12 e a realização de uma concentração em frente à Assembleia da República no dia 5 de Novembro.

Quem é o Secretário-Geral da FENPROF?

Além da paralisação marcada para 5 de Novembro, o secretário-geral da Fenprof, Mário Nogueira, anunciou também a adesão à greve nacional da administração pública convocada para 12 de Novembro pela Frente Comum.

Como funciona a greve do docente?

Recorda-se que esta greve incide sobre toda a atividade docente, letiva ou não letiva, que ultrapasse as respetivas componentes previstas no horário do docente e, portanto, as 35 horas semanais. A entrega dos indispensáveis pré-avisos ao Ministério da Educação continua a ser formalizada semanalmente. Consulte aqui os pré-avisos já entregues.

Qual a desvantagem de fazer greve?

No entanto, perde o direito à retribuição, ou seja, não recebe o salário referente ao período em que faltou. Essa é, aliás, apontada como a maior desvantagem por quem faz greve.

Quais são os requisitos para a realização da greve?

Excecionalmente, em empresas em que a maior parte dos funcionários não esteja sindicalizada, a realização da greve poderá ser decidida por uma assembleia que tenha sido convocada expressamente com essa intenção por um mínimo de 20% dos trabalhadores ou, numa empresa de grandes dimensões, duzentos.

Qual é o direito de greve?

Se for feita por apenas um trabalhador não é considerada greve, e pode acarretar até mesmo uma rescisão por justa causa. O direito de greve também está elencado na Constituição Federal, em seu artigo 9º. Assim, legalmente, essa atitude tem respaldo, porém existem requisitos e garantias específicas, os quais devem ser respeitados.

Quanto tempo a greve deve ser comunicada ao empregador e à comunidade?

Ainda, nas atividades essenciais a greve deve ser comunicada ao empregador e à comunidade com no mínimo 72 horas de antecedência, para que possam tomar as medidas necessárias para a continuação do serviço.

Postagens relacionadas: