Pretérito mais que perfeito composto

pretérito mais que perfeito composto

Qual é o pretérito mais-que-perfeito?

Nós poderíamos ter ido à festa se você tivesse chegado cedo a casa. Teria sido tudo mais fácil se eles tivessem cumprido o prometido. Ele não ficaria tão chateado se eu tivesse dito a verdade. O pretérito mais-que-perfeito composto do subjuntivo é formado pelo pretérito imperfeito do subjuntivo do verbo ter mais o particípio do verbo principal.

Qual a diferença entre pretérito indicativo e subjuntivo?

Além dele, no modo indicativo temos o pretérito perfeito e imperfeito. Já no modo subjuntivo, conjuga-se somente o pretérito imperfeito. 1. Pretérito mais-que-perfeito simples

Quais são os tempos verbais compostos?

Nota: Os tempos verbais compostos podem também ser formados com o verbo auxiliar haver, sendo contudo mais usual o verbo ter. Saiba tudo sobre todos os tempos verbais que existem: Tempos verbais (presente, pretérito e futuro). Este conteúdo foi útil? Obrigado. Como podemos melhorar ainda mais?

Qual é o pretérito mais-que-perfeito?

Pretérito mais-que-perfeito simples Em sua formação simples, o pretérito mais-que-perfeito do indicativo é pouco usual na linguagem formal, sendo mais utilizado em textos poéticos. (...) Vendo o triste pastor que com enganos

Qual a diferença entre pretérito imperfeito e imperfeito?

Já o pretérito imperfeito indica a sequência de uma ação. O pretérito perfeito e o pretérito mais-que-perfeito possuem formas compostas no modo indicativo e subjuntivo.

Qual é o futuro do pretérito do indicativo?

O futuro do pretérito do indicativo aponta uma ação futura que está condicionada por outra, sendo consequência dela. Exemplo: • Eu estudaria mais se tivesse companhia.

Quais são os tempos verbais?

Os tempos verbais (presente, pretérito e futuro) indicam quando ocorre a ação, estado ou fenômeno expressado pelo verbo, em suma: Presente - não só indica o momento atual, mas ações regulares ou situações permanentes. Exemplos: Tomo medicamentos. Estou aqui! Lá, neva muito. Pretérito - indica momentos anteriores, decorridos ou acabados.

Quais são os tempos compostos?

Márcia Fernandes. Os tempos compostos são tempos verbais - presente, passado e futuro - que são expressos por mais do que uma palavra. Eles exprimem ação, estado, mudança de estado ou fenômeno da natureza mediante a utilização uma combinação de verbos, ao contrário dos tempos simples, que são expressos por apenas uma palavra.

Quais são os tempos indicativos?

Exemplo: Por favor, entenda! Tempos do modo indicativo. Os tempos do indicativo são: presente, pretérito (perfeito, imperfeito e pretérito mais-que-perfeito), futuro (do presente e do pretérito). Presente. O presente do indicativo exprime uma ação na atualidade. Exemplo: Leio o jornal todos os dias pela manhã.

Quais são os tempos do subjuntivo?

Os tempos do subjuntivo são: presente, pretérito (imperfeito) e futuro. O presente do subjuntivo exprime uma ação na atualidade que é incerta ou duvidosa. Exemplo: Que eles leiam!

Postagens relacionadas: