Abstenção autarquicas 2021

abstenção autarquicas 2021

Qual é a taxa de abstenção na autárquica?

Dos 9,4 milhões de eleitores inscritos, contaram-se 5.173.063 de votos, o que se traduziu numa taxa de abstenção de 45%, a segunda mais alta em 12 eleições autárquicas desde 1976, mas que representou uma queda em relação a 2013, ano em que a abstenção se situou nos 47,4 %.

Qual a exceção da autárquica em 2021?

Neste caso, “não existe um fator nacional que explique a abstenção”, conclui. A exceção, se confirmada agora em 2021, poderão ser as autárquicas, aquelas que elegem o poder local que mais próximo está dos votantes. Após a queda da abstenção em 2017, será que mantém a tendência descendente em 2021?

Como foi a abstenção nas eleições autárquicas em 2013?

Só em 2013 é que a abstenção foi mais elevada numas eleições autárquicas, chegando aos 47,4% Só em 2013 é que a abstenção foi mais elevada numas eleições autárquicas, chegando aos 47,4% Pesquisar Siga-nos Facebook Twitter Instagram LinkedIn RSS MenuClose Menu ExclusivosSemanário Expresso Inserir Código LoginÁrea Pessoal Login Inserir Código

Qual a taxa de abstenção nas últimas eleições?

Nas últimas eleições, em 2017, a taxa de abstenção ficou em 45% e, em 2013, foi de 47,4%. Os resultados provisórios agora conhecidos confirmam a tendência constatada ao longo do dia, quando a afluência ob...

Quais as consequências da abstenção eleitoral? A primeira consequência do não-comparecimento às urnas, de acordo com o cientista político Rodrigo Prando, professor da Universidade Presbiteriana Mackenzie, é a delegação da escolha individual do eleitor a outras parcelas da população, que nem sempre representam sua posição pessoal.

Qual é a taxa de abstenção em 2020?

Postagens relacionadas: