Concurso docentes 2022/23

concurso docentes 2022/23

Quais são as vagas de professor no concurso da Secretaria de Educação?

Serão ofertadas 60 vagas para o cargo de professor e 20 para o cargo de técnico-administrativo. Perspectivas: O Governo do Estado do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, autorizou a oferta de 303 vagas imediatas para professor I com carga horária de 16 horas por semana no novo concurso para a Secretaria de Educação.

Quando sai o edital do concurso público para professor efetivo?

A Secretaria de Estado da Educação do Estado de Goiás irá publicar edital de concurso público em 2022. Organizado pelo Instituto Americano de Desenvolvimento – IADES, serão ofertadas 5.050 vagas para professor efetivo.

Quais são as vagas do novo concurso público da Secretaria de Educação do Distrito Federal?

Perspectivas: O novo concurso público da Secretaria de Educação do Distrito Federal tem comissão formada e ofertará 4.254 vagas entre imediatas e cadastro reserva. São vagas destinadas a Professor de educação básica (40h), Pedagogo-Orientador Educacional, Analista de Gestão Educacional da Carreira Assistência à Educação.

Quantas vagas para o quadro de docentes da Universidade Estadual de Goiás?

Perspectiva: O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), anunciou a abertura de 500 vagas para o quadro de docentes da Universidade Estadual de Goiás. O certame vai ser aberto neste ano e terá vagas para todo o Estado de Goiás com chamamento previsto para o próximo ano.

Quais são as vagas do novo concurso público da Secretaria de Educação do Distrito Federal?

Perspectivas: O novo concurso público da Secretaria de Educação do Distrito Federal tem comissão formada e ofertará 4.254 vagas entre imediatas e cadastro reserva. São vagas destinadas a Professor de educação básica (40h), Pedagogo-Orientador Educacional, Analista de Gestão Educacional da Carreira Assistência à Educação.

Quanto ganha um professor na Secretaria de Educação?

Edital Secretaria de Educação abre 4.000 vagas para professor. Salários de até R$ 2.566,40 A remuneração varia de acordo com a jornada e a formação do profissional. Para concorrer, é necessário ter nível superior e licenciatura.

Quantas vagas tem a Secretaria de Educação do Paraná?

Com 500 vagas previstas para professores, a expectativa é que a equipe escolha a banca e libere o edital ainda este ano. Enquanto a seleção não ocorre, a Secretaria tem realizado, anualmente, processos seletivos temporários. O último concurso para efetivos da Secretaria de Educação do Paraná foi realizado há nove anos, em 2013.

Quantos cargos tem a Secretaria de Educação do Distrito Federal?

Cargo: Docentes em ensino básico, técnico e tecnológico (EBTT), e de técnicos em educação (TAE). Perspectivas: O novo concurso público da Secretaria de Educação do Distrito Federal tem comissão formada e ofertará 4.254 vagas entre imediatas e cadastro reserva.

Quantos concursos tem a Secretaria de Educação do Distrito Federal?

Em 2016 a Secretaria de Educação do Distrito Federal publicou edital de concurso público no qual ofertou 946 vagas imediatas de níveis médio e superior. Na ocasião, o certame foi organizado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe). Entenda a distribuição das vagas e remunerações na tabela abaixo:

Quantos concursos tem a Secretaria de Educação?

Em 2016 a Secretaria de Educação do Distrito Federal publicou edital de concurso público no qual ofertou 946 vagas imediatas de níveis médio e superior. Na ocasião, o certame foi organizado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe).

Qual é o novo concurso da Secretaria de Educação do estado da Bahia?

Concurso SEC BA O novo concurso SEC BA(Secretaria de Educação do Estado da Bahia) está cada dia mais próximo! A comissão já está formadae agora aguarda-se a escolha da banca para que, então, seja realizada a publicação do edital. Veja mais informações! Concurso UFS

O que aconteceu com os concursos públicos no Distrito Federal?

Assim, a Câmara Legislativa do Distrito Federal reconheceu estado de calamidade e aprovou o PL nº 1.067/2020, de autoria do deputado Cláudio Abrantes, que prevê a suspensão da validade dos concursos públicos no DF enquanto durar o estado de calamidade pública decretado pelo Congresso Nacional.

Postagens relacionadas: